terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Quintana na ponta dos dedos

Faz alguns dias, recebi finalmente o meu kit do projeto Braille Quintana que integra a Coleção Mario Quintana para Infância. O projeto foi idealizado pela produtora aprata.
Serão distribuídos gratuitamente 200 kits para entidades que trabalham com crianças que tenham deficiência visual em todo o Estado. A coleção integra, nesta primeira fase, três títulos do Quintana para o público infantil: Lili Inventa o Mundo (ilustrado pelo Ricky Bols), O Batalhão das Letras (ilustrado pelo Gelson Radaelli) e o Pé de Pilão, desenhado por mim. Numa segunda etapa, ainda serão produzidos os livros Sapo Amarelo e Sapato Furado. A concepção visual do projeto é do Fábio Zimbres. Quem financiou foi a CEEE.
Além dos livros, o kit contém três cd's onde se pode ouvir a história teatralizada e cantada por músicos e artistas de teatro. Tem também um dvd com material extra sobre o Quintana e um making off de toda essa produção que envolveu cerca de quarenta profissionais.
Abaixo vocês podem ver algumas fotos que fiz do kit e do livro que ilustrei. O conceito dos desenhos foi simplicar ao máximo, pois sobre muitos deles foi aplicado um verniz texturizado ou mesmo linhas em "braille", para que as crianças possam ver as ilustras com o tato ou, no caso daqueles que possuam uma visão parcial, possam distinguir com clareza as formas e mesmo ler o texto (que está todo num corpo 25). O Pé de Pilão contou também com o talento e trabalho da Marta Castilhos e Camila Kieling no design gráfico e da Manuela Eichner na finalização das ilustrações. Valeu, meninas!








2 comentários:

Mente Hiperativa disse...

Cara, gostei muito da sua iniciativa de colocar os livros tambem em Braille! Muito bom mesmo!

lelisblogspot disse...

êita mininu hipeprativo. num pára quéto um minuto.
parabéns!